Follow by Email

quinta-feira, 17 de junho de 2010

O LIVRO UNIVERSO EM DESENCANTO RECUPERA A CONSCIÊNCIA POSITIVA RACIONAL PERDIDA, A CONSCIÊNCIA VERDADEIRA DO SER


A VERDADE é uma só. Onde existem duas verdades (ou mais), não existe consciência VERDADEIRA.
Por quê?
Porque o que é para um, já não é para outros. Serve para um, mas não serve para outros, não tendo lógica, por servir a um ou a uns tantos, valer a um ou a uns tantos, porém, não servir aos demais. O que não serve a todos, o que não vale a todos, é discriminatório, marginaliza, não acode à necessidade de todos, maximiza uns tantos e minimiza os demais, como se os demais fossem inferiores, foge à fraternidade, foge ao amor, não concretizando a paz.
E em assim sendo, deixa de ter lógica, porque promove a discórdia. E viver em discórdia é inconveniente para todos, porque redunda em lutas sem proveito para ser algum, cada qual querendo provar ser melhor, desnivelando uns em relação aos outros, o que gera desentendimentos, atritos, enfim, culminando em guerras e na destruição de todos, numa irracionalidade cruel.
Portanto, foge à racionalidade, foge ao SER RACIONAL, por não ter a BASE que norteia o comportamento RACIONAL, foge à VERDADE, que é uma só.
Assim se encontra o mundo em que vivemos, que se tornou um verdadeiro campo de guerras, por viver SEM BASE. E por viver SEM BASE, por não conhecê-la, passou a viver sem lógica. E a prova contundente está à frente dos olhos de todos, que só se deparam na vida com todo tipo de problemas, lutando há milênios para vencê-los, com as maiores dificuldades, lutas que têm provado serem sem proveito algum, por o mundo se tornar cada vez pior, culminando na destruição cada vez mais monstruosa do SER HUMANO, que vai perdendo, dia a dia, o respeito por tudo, por todos e, consequentemente, por si mesmo. É uma auto-destruição, por desconhecer a BASE para nortear o comportamento RACIONAL de paz, amor e fraternidade verdadeiros.
Se chegamos a esse estado calamitoso e monstruoso de ser, provado está que esta BASE jamais foi conhecida pelos viventes deste grandioso universo em que vivemos. Nem pelos seres materializados, nem pelos seres invisíveis, que congregam o mundo espiritual, deste Astral Inferior em que vivemos.
Sim, pois, se o mundo espiritual fosse conhecedor dessa BASE, há muito já a teria repassado para os seres materializados, que sempre foram comandados por essa parte invisível e, por isso, julgando encontrar-se nela o SER SUPREMO a tudo e a todos. Mas, tudo devemos ao mundo espiritual, que deu de si o melhor para todos nós.
Ora, se neste Astral Inferior estivesse o SER SUPREMO a tudo e a todos, logicamente esse Astral Inferior estaria de posse da BASE e já de há muito a teria repassado a nós, seus comandados, e a lógica estaria constada em nossos comportamentos, evidenciada numa vida de paz, amor, fraternidade e concórdia, de UM por todos e todos por UM.
Com isso, fica evidente, a existência de um mundo SUPERIOR ao mundo em que vivemos e, mais ainda, fica provado e comprovado que esse mundo em que vivemos sempre esteve desligado do MUNDO SUPERIOR. Pois, se ligado estivesse, estaria, em consequência, de posse da BASE, já há muito a teria repassado para nós materializados, que, vivendo norteados por ela, pela BASE, teríamos construído um mundo de verdadeiro amor e, não de dor.
Então, o mundo em que vivemos sempre esteve desligado do SER SUPREMO A TUDO E A TODOS e, por assim ter se desenvolvido (por conta não dEle e, sim, por conta de seus próprios habitantes) é que culminou nessa tragédia universal, de uns contra os outros e destruindo uns aos outros, por falta da BASE, vivendo à revelia, de acordo com os gostos e as vontades de cada um de nós, variantes e diferentes de ser para ser, portanto, sem lógica alguma – total desunião, por falta da BASE.
Cada um inventando o seu deus, e cada um julgando o seu deus o verdadeiro, de acordo com o que imaginava e pensava, porque não sabíamos raciocinar, por não conhecermos a BASE do raciocínio, a ENERGIA a ele pertinente.
Chegamos a um ponto tão caótico, que uns tantos, cansados de sofrer e lutar em vão, começaram a atinar que tudo que vivemos não passou de fantasia, ilusão, enfim, de um monstruoso embuste.
E esses uns tantos veio aumentando persistemente, clamando uma providência verdadeiramente DIVINA, de um MUNDO SUPERIOR, até que esse clamor foi atendido.
O SUPREMO do MUNDO SUPERIOR, que é um Mundo RACIONAL, fez a ligação do mundo inferior em que vivemos com o MUNDO SUPREMO, dando-se aí uma mudança de fase da natureza em que vivemos, por colocar à disposição do mundo inferior, a BASE para guiar o comportamento de todos, visíveis e invisíveis, dentro da lógica que nos leva ao amor, à paz, à fraternidade e à concórdia universal, para nos tornar possuidores da BASE, ou seja, para nos tornar UM SER RACIONAL, com consciência positiva RACIONAL, nos ensinando a nos desligar da parte animal, e a nos ligar à nossa parte RACIONAL.
Ligados à nossa PARTE RACIONAL, que é o raciocínio, a Glândula Pineal, passamos a desenvolvê-la até dominarmos a nossa parte animal, passando a ter uma consciência verdadeira RACIONAL.
De posse da consciência verdadeira RACIONAL, passamos a viver colocando-a em prática em relação a todos os seres visíveis e invisíveis, culminando no entendimento perfeito da BASE, cujo nível de consciência é RACIONAL SUPERIOR, ou seja, uma consciência que não leva em conta o que não tem BASE, nem se aborrece com nada e com coisa alguma, uma consciência RACIONALMENTE SUPERIOR.
De posse desse nível de consciência, torna-se a pessoa um aparelho da BASE, um aparelho Racional, passando a ser desenvolvida e evoluída por um campo intermediário entre o Mundo Superior e o mundo inferior, campo mediador entre os dois mundos, o ASTRAL SUPERIOR.
Vivendo aqui neste mundo em que vivemos, única e exclusivamente para levar, a todos, sem distinções, o conhecimento da BASE, sem ingerências, sem imposições, à semelhança do SUPREMO A TUDO E A TODOS, alcançando um nível de consciência e entendimento SUPERIOR RACIONAL.
Vivendo sob a égide desse nível de consciência, chega-se à conclusão de respeitar a tudo, a todos e a si mesmo, passando para outro nível de consciência: o do TRIBUNAL RACIONAL, adquirindo virtudes que não possuía antes de alcançar esse patamar.
Sob a égide desse nível de consciência, portador de virtudes, passa a evoluir toda a sabedoria da BASE, alcançando outro nível de consciência: JUSTIÇA SUPREMA A TUDO E A TODOS, quando o vivente passa a se justificar RACIONALMENTE com tudo e com todos, ficando ligado à MÃE NATUREZA.
De posse deste nível de consciência, passa a agir em prol da salvação de tudo e de todos e, não a condenar tudo e todos, passando a outro nível de consciência Racional: o CONTENCIOSO UNIVERSAL.
Com esse nível de consciência, passa a viver com verdadeira sabedoria, a sabedoria plena da BASE, alcançando a ligação definitiva com o SUPREMO A TUDO E A TODOS, ligando-se ao Mundo SUPERIOR, o MUNDO RACIONAL, alcançando o nível de consciência paralelo à VOZ SUPREMA DE OUTROS MUNDOS, ou seja, passa a ter a capacidade de se comunicar e se entender com todos os puros, limpos e perfeitos de outros mundos, por ter abraçado a BASE do VERDADEIRO DEUS, a FORÇA SUPREMA A TUDO E A TODOS, o RACIONAL SUPERIOR.
E esta BASE chegou à Terra em 1935, condensada nos Livros universo em Desencanto, e está sendo divulgada desde a década de 70, para todos que a imploravam há milênios.
Portanto, para alegria e satisfação de todos que procuravam e esperavam a BASE verdadeira da vida, aqui está ela: nos LIVROS UNIVERSO EM DESENCANTO, CUJO ESTUDO RECUPERA A CONSCIÊNCIA POSITIVA RACIONAL PERDIDA, A CONSCIÊNCIA VERDADEIRA DO SER, tornando nosso viver um viver com lógica, um viver que culmina na paz, no amor, na fraternidade e na concórdia universal, de UM por todos e todos por UM, por ter como referência a BASE da vida, que é RACIONAL.
Portanto, a solução da vida já foi dada pela verdadeira VIDA, o SUPREMO A TUDO E A TODOS, através da Dona de todas as vidas deste Universo em que vivemos, a Mãe Natureza, que mudou de fase, da fase do pensamento e da imaginação, a fase espiritual, para a Fase Racional, para o Desenvolvimento do Raciocínio. E, por ter mudado de fase, não está alimentando mais o pensamento e a imaginação dos pensadores. Agora, nesta nova fase, somente alimenta o raciocínio, ficando o pensamento e a imaginação em completo desequilíbrio, por falta do alimento da Mãe Natureza.
Entenderemos tudo isso com detalhes, estudando e reestudando os Livros Universo em Desencanto, que congregam a BASE da vida para alcançarmos, em vida, a VIDA ETERNA.
Salve, SAÚDE e PAZ para todos!
Tel. 0xx 31 2555-0054

Nenhum comentário: