Follow by Email

segunda-feira, 30 de março de 2015

O QUE FALTA PARA SER FELIZ? ADMITIR QUE ESTÁ SALVO!


Amigos, SALVE!
A LUZ transcendental que a humanidade sempre buscou já está na Terra, é a LUZ RACIONAL, da ENERGIA RACIONAL, a verdadeira Luz da Divina Providência!
Está na Terra desde 1935 sobre a cabeça de todos, indistintamente.
E por quê tanta gente ainda sofrendo?
Pelo de fato de não admitirem que já estão salvos e, por isso, não conseguem senti-la, por não abraçarem esta magnânima LUZ.
Estamos há muito, nos logradouros e nos diversos meios de comunicação, dando a todos, indistintamente, a boa nova, mas, a maioria insiste em ignorar nossos avisos, deixando de se certificarem sobre essa maravilha que ocorreu na Terra desde 1935.
DEUS não impõe nada a ninguém, respeitando o livre arbítrio de cada qual.
E, assim, apesar da LUZ DIVINA estar sobre a cabeça de todos, continuam sofrendo, por não se permitirem essa certificação nos livros que provam e comprovam que o caminho de retorno ao mundo transcendental, de nossa verdadeira origem, já está traçado, por todos já estarem devidamente preparados pelas filosofias, religiões, ciências e demais conhecimentos da Terra, para se ligarem diretamente, sem intermediários, ao verdadeiro mundo de onde saímos um dia.
Deem uma oportunidade a vocês mesmos!
Não chega o quanto já sofreram e ainda estão sofrendo?
Olhem bem para a situação do Brasil e dos demais países? A violência generalizada, o desequilíbrio de toda sorte. Querem ainda mais provas de que houve o término de uma fase da Natureza e a entrada de outra?
Tudo que completa sua missão, sua função, vem a ser liquidado.
Querem ser liquidados, Amigos? Não entenderam ainda que a Natureza é de mudanças sempre para melhor?
Para o bem de vocês mesmos e da humanidade, coloquem fim nessa insegurança e procurem adquirir os livros que comprovam tudo que acima está dito, para tirarem, como diz: a prova dos nove.
Leiam, Amigos, os livros que nos dão esclarecimentos precisos e minuciosos sobre toda nossa trajetória, desde que saímos por livre arbítrio do nosso verdadeiro mundo natural, o MUNDO RACIONAL, até perdemos nossa condição de seres eternos, corpos de massa cósmica de energia pura, limpa e perfeita, e nos materializarmos em animais Racionais, chegando a esta situação caótica em que se encontra este segundo mundo, do qual fomos os causadores.
Leiam os livros Universo em Desencanto, para que possam sentir a LUZ DA DIVINA PROVIDÊNCIA dia e noite, noite e dia e, assim, se ligarem, em vida, a DEUS VERDADEIRO, o RACIOCÍNIO SUPERIOR A TODOS OS RACIOCÍNIOS e a ENERGIA SUPERIOR A TODAS AS ENERGIAS.
Ainda há tempo, porque DEUS é bondade extrema e trouxe a LUZ DIVINA para salvação eterna de todos. Só falta mesmo cada qual admitir que está salvo, lendo Universo em Desencanto, para adentrar no caminho de retorno à felicidade eterna.

segunda-feira, 23 de março de 2015

UNIVERSO EM DESENCANTO – parte 3


(RACIONAL SUPERIOR)
Racional quer dizer: pureza, perfeição, sem defeitos, elevação sobre tudo, infinitamente justo e certo sobre tudo e sobre todos. Isto é o que quer dizer Racional. É uma coisa sem mácula, de saber puro, sem competidor, o ponto máximo da perfeição, gerador de todas as virtudes puras, cristalinas, poder sobre todos os poderes e a consistência de todas as virtudes.
A IMUNIZAÇÃO RACIONAL é a coisa mais grandiosa da vida de todos. Nela está o princípio e o fim de todos, o princípio e o fim do mundo, o porquê de todos assim serem, o porquê do mundo assim ser o antes de todos e do mundo assim serem.
A IMUNIZAÇÃO RACIONAL é, em conclusão, a Redenção Universal, a salvação de todos. Está aí provado, na IMUNIZAÇÃO RACIONAL, a salvação eterna de todos, a salvação que sempre no mundo foi falada, mas jamais provada nem comprovada. Está aí, agora, a salvação provada e comprovada pela IMUNIZAÇÃO RACIONAL.
A IMUNIZAÇÃO RACIONAL está ao alcance de todos; mais fácil para aqueles que forem constantes na leitura. Esses vão ficando munidos do conhecimento e vão se imunizando. Aí, começam a sentir os grandes efeitos da Imunização e ficarão assombrados com tantas glórias que serão cada vez mais importantes e culminantes.
Está aí nas mãos dos viventes, um tesouro como no mundo não há outro igual. É o tesouro dos tesouros! Agora sabem como se engrandecer. Não devem mais perder tempo, porque quem erra com consciência, sofre dobrado. O inconsciente ainda tem uma desculpa, porque não sabe o que faz, é um inconsciente.
Está aí em vossas mãos, a felicidade eterna, como podem conquistá-la e adquiri-la sem esforço, sem sacrifício. A IMUNIZAÇÃO RACIONAL é uma surpresa para todos, é um conhecimento que alegrará o mundo, acabando com os sofrimentos e com as tristezas. Os primitivos que estão conhecendo, devem fazer por onde se imunizar o mais depressa possível. Uma vez munidos do conhecimento, estão imunizados, estão prontos e evoluindo somente com a IMUNIZAÇÃO RACIONAL.
Com a IMUNIZAÇÃO RACIONAL tudo é belo, tudo é bom, tudo cresce e resplandece. Todos os ânimos em correspondência devido à influência da IMUNIZAÇÃO RACIONAL. O vivente se tornando um grão-mestre diante dos que não conhecem. E o vivente ficará munido do Conhecimento Racional muito depressa, muito rápido, por ser ajudado pela IMUNIZAÇÃO RACIONAL.
Não há dificuldades para os que forem assíduos na leitura. A imunização vem mais depressa do que o vivente pensa ou espera. Portanto, a felicidade do vivente depende nesse caso, do próprio vivente.
O imunizado Racionalmente é um vivente que está salvo e sabe explicar porque é um salvador, sabe dar todas as definições com bases sólidas, porque está salvo, sabe como é feita a salvação, como tudo foi feito e antes de tudo ser feito, como era, de onde todos vieram e para onde todos irão, de onde tudo isso surgiu, a origem de tudo e antes dessa origem, a PLANÍCIE RACIONAL, como vivem os que aqui estão, e a parte dessa mesma planície que não estava pronta para entrar em progresso e que, com a entrada de uns tantos Racionais, principiou a desmembrar-se, a descer, a transformar-se junto com os corpos, modificando-se à medida que iam progredindo, até chegarem à extinção do corpo anterior e depois, à formação desses corpos que aí estão, à geração de todos os seres.
O vivente imunizado sabe o princípio e o fim, definindo tudo tintim por tintim, porque está salvo e é um salvador. A IMUNIZAÇÃO RACIONAL é, portanto, o maior tesouro do mundo. Na IMUNIZAÇÃO RACIONAL está a maior felicidade de todos porque completa todos e tudo.
Assim, quando este tesouro for conhecido no mundo, será um estrondo. Comentar-se-á noite e dia. Todos ficarão em festa por muitos anos, porque a IMUNIZAÇÃO RACIONAL é o que todos procuravam há muito e só a encontraram agora. Os raios divinos Racionais caindo sobre a cabeça de todos os imunizados, aumentando culminantemente, cada vez mais, para o fecundo servo de si mesmo se conservar rígido, inabalável, sólido, resplandecendo sempre em multiplicações, esta grandiosa virtude de possuir, para o bem geral e a felicidade de todos, esta maravilha; contida nos Livros “UNIVERSO EM DESENCANTO” de CULTURA RACIONAL.

Leiam os Livros “Universo em Desencanto”.
A Verdadeira Origem da Humanidade!

UNIVERSO EM DESENCANTO – parte 2


(RACIONAL SUPERIOR)
Todos choram há muito no mundo, todos imploram e vivem em anseios à procura do que agora aqui lhes chega em mãos através desta Escrituração. E depois da sua divulgação, o espetáculo no mundo inteiro será incalculável; o delírio será maravilhoso e a alegria nem se fala. A vontade de todos será satisfeita e todos irão saber como é e como pode ser. Afinal, durará semelhante situação por muito tempo e todos farão questão de serem imunizados, e o assunto para o resto da vida de todos será a IMUNIZAÇÃO RACIONAL.
O delírio será maravilhoso, porque a incerteza, a dúvida, a indecisão, a desconfiança de tudo desaparecerão, por encontrarem o caminho da verdade das verdades. E assim, serão banidos os sugestionadores dos fracos, os pantomineiros que há muito vêm alimentando todos esses mistérios, por não saberem desvendá-los, encerrando tudo no infinito e encontrando agora, todos esses mistérios desvendados nesta Escrituração.
A alegria será deslumbrante, a emoção e a satisfação serão enormes.
Isto é um insignificante comentário da vida e do porquê da vida; do que é a vida atual e do que será a vida futura, depois de todas as verdades provadas e comprovadas, de todas as soluções dadas aqui pela IMUNIZAÇÃO RACIONAL, onde não há dúvidas a fazer.
Duvidam sim, os que não sabem, os que não conhecem. Mas, depois de todos saberem e conhecerem, acabar-se-ão as dúvidas. A dúvida é uma coisa natural de quem não conhece e não sabe. Na dúvida vivem todos há muito, de experiências em experiências, às apalpadelas, na incerteza de tudo. Nem de outra forma os encantados poderiam viver. Só mesmo depois de desencantados é que irão fazer modificações como do preto para o branco, vendo e sofrendo as influências do encanto pavoroso dessa vida. Todos cada vez mais cansados de sofrerem num mundo cheio de crenças, sufocados pelos enigmas e talismãs de embusteiros, onde a morte, depois de tanto sofrimento, é um descanso.
E assim, com a IMUNIZAÇÃO RACIONAL, o maior tesouro do mundo, as alegrias se encadeando, a harmonia reflorescendo e a glória das glórias correspondendo aos ideais e às aflições de todos. A IMUNIZAÇÃO RACIONAL é o ponto que conclui todas as virtudes para a glória, a alegria e a satisfação de todos. É o ponto máximo em tudo, que vai correspondendo a todos, muito além das medidas do possível. O possível é porque é possível e o além do possível é tudo aquilo que o vivente não espera e nem conta. Está aí o além do possível.
Assim, ricos passos para todos e alegres passos para os colaboradores em benefício de si próprios. Brilhantes passos, brilhantes dias e um tesouro angelical que multiplica-se gradativamente, culminantemente, para todos que assim vão sendo elevados em tudo. A IMUNIZAÇÃO RACIONAL trazendo tudo o que o vivente precisa, consertando tudo, endireitando tudo, organizando o sossego, o bom viver alegre e feliz, principalmente para os que colaboram com capricho em benefício de si mesmos.
Com a IMUNIZAÇÃO RACIONAL, o vivente está possuído de todo o saber e com a leitura diária desta Obra, irá vendo claramente, as modificações que se vão fazendo sempre de bem para melhor, em todos os pontos de vista. Mas não basta apenas a leitura diária; ler é uma coisa e saber o que leu é outra. Quantas vezes acabam de ler e não sabem o que leram, não sabem reproduzir nem explicar o teor da leitura? Portanto, é preciso ler diariamente, ter apego à leitura, para saber o que leu, saber para si e para os demais, o que é a IMUNIZAÇÃO RACIONAL, o que é ser imunizado.
Imunizado que dizer: munido de tudo, sabedor de tudo, conhecedor e explicador deste tudo, tintim por tintim. E para assim ser, é preciso ler e para saber o que leu, tem que ler todos os dias sem perda de tempo. Imunizado, é munido das verdades, é munido do verdadeiro saber, é um conhecedor do porquê de tudo, do porquê de si mesmo, do porquê de todas as coisas existentes no mundo, do porquê desse mundo e do porquê de tudo antes de assim ser. É um vivente completo, com bases sólidas, claras, lapidadas, sem contradição de nenhuma espécie.
E para ser imunizado é apenas preciso que tenha grande constância na leitura, para ficar munido do saber Racional ou da IMUNIZAÇÃO RACIONAL, que é a mesma coisa.
O vivente não pode ser imunizado sem estar munido do saber Racional. Só munido desse saber, pode alcançar a Imunização. E para ficar munido desse saber, para ser imunizado, é preciso que seja persistente, sem perda de tempo, com a leitura.
Uma vez munido do saber, está imunizado. É a mesma coisa que o vivente para saber escrever, ter primeiro que aprender. Primeiro precisa aprender, para depois então ler. Assim é a IMUNIZAÇÃO RACIONAL. Primeiro é preciso conhecê-la e saber explicar tudo que ela ensina, para depois ficar imunizado. Os analfabetos vão sabendo pelas instruções dadas pelos que já sabem.
(Continua na próxima postagem)

Leiam os Livros “Universo em Desencanto”.
A Verdadeira Origem da Humanidade!

UNIVERSO EM DESENCANTO – parte 1


(RACIONAL SUPERIOR)
Esta Obra tem a utilidade assombrosa de fazer desaparecer a prosa, o orgulho, a presunção e a vaidade. Muitos acharão difícil, dizendo que esta solução, aqui esclarecida nesta Obra, não poderá ser trazida a público.
Agora, aí está em mãos de todos, a verdade das verdades, o que todos imploram há muito. Agora, apareceu aí, entre todos, o que há muito todos no mundo imploram, por ser o sofrimento demais e irresistível no mundo inteiro.
Já se pode viver no mundo, por se ter vida e se ter que viver, porque, viver do jeito que todos vivem, não vale a pena viver. Em certos momentos se perde o prazer da vida. O mundo estava mesmo entregue à imposturice e o realejo tocava uma só música: sofrimento; e quanto mais sofrimento mais todos tinham que sofrer.
Entretanto, dentro de pouco tempo, a IMUNIZAÇÃO RACIONAL em ordem do dia em todos os lugares, em todos os cantos e em todos os buracos. Todos só contarão com a IMUNIZAÇÃO RACIONAL, lendo persistentemente, para serem imunizados e encontrando todos os desejos consumados de felicidade eterna, de salvação eterna. Dentro em pouco, a IMUNIZAÇÃO RACIONAL colocada acima de tudo e de todos, transformando essa deformação do mundo para o estado natural, pelo Conhecimento Racional, feito pela IMUNIZAÇÃO RACIONAL.
Sempre falaram em Racional no mundo inteiro, mas não sabiam como era. Falavam em Racional (como falam), mas vivem sofrendo mais do que animais ou feras bravias. A IMUNIZAÇÃO RACIONAL será acatada por todos, conhecida e reconhecida como o maior tesouro do mundo, como a coisa mais pura que possa existir. Todos se imunizando, todos encontrando o conforto relativo sob todos os pontos de vista de si mesmos, conhecendo porque aí nasceram, porque aí nasciam, de onde vieram, para onde vão e como vão.
Maior felicidade, maior contentamento e alegria Universal não poderá existir! Esta é a maior surpresa universal. Acaba a imposturice, esse cataclisma de mistificação, a auto-sugestão. Tudo sumindo de uma vez para sempre, acabando com esse conteúdo mantedor dessas misérias, de todo esse pleito sem fundamento, de todas essas ondas de ilusões, de todo esse prelúdio infernal, de toda essa vida, aonde só brilha o mal, nesse buraco imenso, que é o mundo.
Todos aí, vivem dentro desse buraco, a olhar para cima, para o firmamento e encontrando dificuldades na imaginação para desvendar esses mistérios, a dizer que o mundo é um fenômeno, um encanto indesvendável, cheio de grandes mistérios insolúveis que a imaginação do homem não pode solucionar.
Nesse mundo, o sossego, a paz, a alegria duradoura, só estão no nome e por isso, tudo se acaba, tudo se transforma, tudo é tão vago como a água que corre para baixo e não volta mais.
Está aí o encanto; e aqui nesta Escrituração Racional, o desencanto. O desencanto tudo é e o encanto nada é.
O desencanto põe tudo em forma Racional e o encanto sempre pôs tudo fora de forma, multiplicando o mal, lapidando a selvageria para mais multiplicações de ruínas.
Mas agora, aqui está o RACIONAL SUPERIOR, trazendo ao conhecimento de todos esta Escrituração, para satisfação de todos, para a glória de todos, para a glorificação, para a salvação eterna de todos, para Redenção Universal. Está aqui o conhecimento de onde vieram e para onde vão, como vieram e como vão, o princípio e o fim do mundo, de todos e de tudo.
No mundo nunca sonharam com a Redenção Universal, nunca imaginaram poder existir a IMUNIZAÇÃO RACIONAL. Só agora, aqueles que aqui estão aprendendo estes conhecimentos, poderão falar sobre tal coisa.
Os que não conhecem e ouvem falar neste assunto, ficam assombrados. Não acreditam, acham impossível e só mesmo vendo e procurando conhecer é que irão encontrar a verdade.
Assim, todos irão ficar convictos pelo testemunho da verdade das verdades, que aqui está neste assunto sem competidor.
(Continua na próxima postagem)

Leiam os Livros “Universo em Desencanto”.
A Verdadeira Origem da Humanidade!

sábado, 21 de março de 2015

A ENERGIA DO MOMENTO: A ENERGIA RACIONAL!


Amigos, SALVE!
O animal Racional, por uso do gosto e da vontade acima dos limites, desligou-se da Natureza e se ligou no magnetismo, desenvolvendo a matéria, na ilusão de evitar os sofrimentos através dos confortos e abreviar seu encontro com a felicidade.
Grande engano! Acabou traindo a si mesmo, pois, ficou dominado pela matéria, pelo magnetismo, que o cegou a tal ponto de utilizar o próprio animal Racional como sua ferramenta, como seu escravo, para construir todo este progresso artificial acima dos limites, destruidor do meio ambiente, da flora, da fauna, e poluidor do ar, das águas, de tudo e de todos.
E, assim, desligado do natural, desligado da Natureza, o animal se embruteceu, se atrasou. Ao invés de evoluir o bom senso, evoluiu sua parte animal, sua parte irracional, tornando-se mais selvagem e destruidor que o próprio irracional.
Tudo isso aumentou seu sofrimento, ao invés de diminui-lo, tornando impossível sua felicidade, entrando a humanidade num círculo vicioso da necessidade de buscar mais e mais na matéria, através de novas criações tecnológicas, uma solução para os males que vai criando e inventando na ilusão de que está encontrando a solução.
Ninguém consegue combater o mal com o mal, porque a matéria é mal puro. O animal Racional, há milênios, saiu da linha da Natureza, da linha RACIONAL, perdeu o fio da meada do bom senso, do pensamento natural dado pela Natureza Superior (o Astral Superior), e se ligou embaixo, nos invisíveis da baixa atmosfera (que se passam por superiores). E, assim, ficando a humanidade guiada pelo elétrico e magnético, sem que percebesse isso. Daí é que passou a desenvolver o pensamento magnético, que na Terra está imperando, como se fosse o pensamento natural.
E ligados no elétrico e magnético, confundiram o elétrico, que é o bem aparente, com o bem verdadeiro, que é bom senso racional, o raciocínio.
E de 1935 para frente, por ter terminado a fase do pensamento, a fase da civilização, ou Fase do Segundo Milênio, entramos na era do fogo, o que significa que o magnetismo, o magnético, passou a tomar conta de tudo que ele criou e inventou, para destruir tudo que ele criou e inventou, e continuando a criar e inventar coisas que acelerem essa destruição.
Sim, porque o magnético tem ordem do Mundo Superior para se retirar da Terra, para entregar a Terra limpa de tudo criado por ele, que esteja fora dos limites naturais.
Entregar a Terra limpa à Fase Racional, que entrou a governar a Natureza a partir de 1935, a fase da ENERGIA RACIONAL.
E nesta fase superior, tudo que está na Terra contra as leis naturais tem que ser retirado.
Daí ter vindo o socorro do Mundo Superior, o MUNDO RACIONAL, com a Escrituração da IMUNIZAÇÃO RACIONAL, Universo em Desencanto, para que os animais Racionais, desligados do natural verdadeiro, tenham a oportunidade de fazer essa religação, através das instruções da Escrituração para o desenvolvimento do bom senso racional, o raciocínio, de forma a evitar que sejam varridos pela fase de liquidação por estarem vivendo contra as leis naturais da Natureza.
Portanto, quem quiser impedir sua transformação para as classes inferiores de animal irracional, tem que se desligar do magnetismo, pelo desenvolvimento do raciocínio. E não há outro caminho, a não ser esse, que é o caminho natural da Natureza.
Por quê?
Porque a fase do momento é a Fase Racional, a fase do Terceiro Milênio. E a energia da Fase Racional é a ENERGIA RACIONAL.
Portanto, a energia do momento é a ENERGIA RACIONAL. E o livro da ENERGIA RACIONAL é o Livro Universo em Desencanto, de Cultura Racional, a cultura natural da Natureza!
Se ligue!

sexta-feira, 20 de março de 2015

FATOR NATURAL DA NATUREZA


(RACIONAL SUPERIOR)

A ordem natural das coisas tem diversas características: o que nasceu para ser alto, a natureza o leva a seu lugar alto; o que nasceu para ser baixo, a natureza o deixa no seu lugar baixo; o que nasceu para ser pequeno, raquítico, a natureza só lhe proporciona essa finalidade e nada mais. Estes são pontos naturais que vibram com a natureza; são espelhos para todas essas imensas grandezas, para todas as interpretações dos seres, dados pela formação dos insaciáveis, que fazem com que o vivente nunca esteja satisfeito com o que possui.
Se é alto, quanto mais alto está, mais alto quer ficar. Se é pequeno, também quer ser grande e eis aí as lutas e as confusões. É magro, quer ser gordo; é gordo, quer ser magro; é pobre quer ser rico, é rico, quer ser cada vez mais rico. Enfim, são insaciáveis em tudo. Seres indolentes pela própria natureza; desequilibrados. E por isso, assim são.
Se fossem equilibrados não seriam assim, precisando notar que em relação à natureza, até um certo ponto de vista são iguais, e sobre outro ponto de vista são diferentes. Eis a razão dos viventes só serem aquilo para o que a natureza os fez, para serem aquilo que a natureza quer e por isso, dá-se o caso de muitos viventes, completamente analfabetos, possuírem grandes fortunas e conquistarem grandes riquezas e outros, que estudam para adquirir riquezas, sempre na miséria.
O vivente tem que ser aquilo que a natureza quer e não o que ele quer. O vivente quer ser rico, mas a natureza o fez para ser pobre; luta toda a vida de todos os jeitos, de todas as formas e sempre pobre. E outro, que a natureza o fez para ser rico, não precisa lutar e a sua riqueza é resolvida naturalmente, sem sacrifícios. Há também os que não nasceram para ser ricos, mas que fazem por onde, se sacrificam e ficam ricos, e o que acontece? A natureza toma-lhes tudo.
É a mesma coisa que o vivente procurar ser bonito. Vai para o instituto de beleza e acaba ficando bonito. Mas quando deixar de freqüentar o instituto, vem a ficar mais feio do que era.
Observem que há pessoas que não nasceram para serem ricas, acabam sendo e no fim, terminam pobres. Agora dizem: “- Maus negócios!” Sim, empobreceram por este ou aquele motivo, mas sempre motivos feitos pela natureza, pois todos são dominados pela natureza e feitos por ela. Isto, é que são as coisas verdadeiras, naturais.
Quando a árvore nasce para ser pequena, se crescer demais, cai, porque a árvore que nasce para ser grande, já traz a sua construção e raízes próprias para resistirem a todas as intempéries, e a pequena tem a sua natureza feita de acordo com o seu tamanho.
Assim são essas variações entre os viventes, querendo muitos serem o que não nasceram para ser. O vivente que nasceu para ser bom é sempre bom, o vivente que nasceu para ser mau é mau sempre. A árvore que nasceu para dar espinhos dá espinho sempre. E tudo é assim.
Então, diz o vivente: “- Que infelicidade daqueles que nasceram para ser pobres!” Não é infelicidade, é sim, o fator natural. O fator natural é aquilo que tem que ser. Por isso, a noite é noite e o dia é dia. O sol é de um extremo, a lua de outro, a terra de outro e a água de outro.
Os extremos são todos diferentes, e por isso, cada qual tem o seu signo. Os que têm o signo do sol são muito felizes, os que nasceram com o signo da lua, são infelizes, os que nasceram com o signo das estrelas, mais infelizes e os que nasceram com o signo da terra, mais infelizes ainda. E assim, cada qual com o seu planeta, com o seu signo; cada qual vivendo de acordo com a sua formação natural, feita pela natureza.

Leiam o Livro “Universo em Desencanto”.
A Verdadeira Origem da Humanidade!

terça-feira, 17 de março de 2015

COMEÇOU O CALVÁRIO


Amigos, começou o calvário para quem desconhece quem é a Natureza.
Ela quer que procurem SE CONHECER através do Livro Universo em Desencanto, para saber o que está ocorrendo no Brasil. O porquê dessa mudança no clima, a falta de chuva, rios secando, nascentes secando.
A terra é viva. Ela precisa da água. A terra está morrendo. Para se plantar é preciso que haja água. E do jeito que tudo está caminhando, a fome não custa a chegar.
E a fome chegando, Amigos, o mundo cheira a defunto!
Se vocês querem chuva, terra molhada para, na hora certa, fazer a plantação, então, Amigos, é preciso fazer por onde acalmar a Natureza.
E essa calma será feita pela leitura do Livro Universo em Desencanto, que todos os viventes deverão ir à procura, para se conscientizarem de que ninguém pode com a Natureza. A vontade DELA é ÚNICA! É a Mãe Verdadeira castigando seus filhos, que não querem tomar conhecimento do BEM mais precioso que está na Terra: o Livro Universo em Desencanto.
A Natureza tem tudo para dar a todos, mas, para serem beneficiados por tudo de bom que ELA dará a todos, é preciso se irmanarem com ELA através do Livro Universo em Desencanto, de Cultura Racional.
Obedeçam à vontade DELA, para que tudo de bom lhes seja favorecido.
E sendo ELA a DONA de tudo e de todos, não precisa de ordens, ELA é que dá as ordens.
E assim, a ordem do dia, a ordem da fase em vigor na Natureza é: ler os Livros Universo em Desencanto de Cultura Racional, a cultura natural da DONA de tudo e de todos, a Natureza, e que é quem enche a sua barriguinha e a de todos, todos os dias.
Se você que está lendo este texto não obedecer à DONA de sua vida, que tudo sempre lhe deu de graça, a troco de nada, e de quem você depende em tudo em sua vida para poder viver, estará fazendo de sua vida um calvário, por desobediência e imprudência de se julgar mais que a Natureza, a DONA de sua vida. Que ELA é quem manda em você, e não o contrário.
Acordem, Amigos, que a vida é muito curta, e cada dia perdido, sem ler Universo em Desencanto, é um desacato à Natureza, que será cobrado duramente pelo Tribunal DELA.
Não faça da sua vida um calvário, mas, sim, um jardim de flores, apenas lendo todos os dias o Livro Universo em Desencanto, a cultura natural da Mãe Natureza.

sexta-feira, 13 de março de 2015

FONTE BENDITA RACIONAL – parte 2


(RACIONAL SUPERIOR)
Agora, se o vivente tem certeza, sabe e conhece que aí está condenado a sofrer, e depois de sofrer, a morrer, e sabendo como pode se livrar dessa condenação, dessa desgraça, não pode continuar a adotar a mesma ruína. Quem assim procede é doido ou não regula mais e pensa que regula. Vê que, diante destes esclarecimentos, é um vivente que não quer o bem de si mesmo; parece que quer, mas não quer; e por não querer se preocupar com as coisas boas, com as coisas que lhe produzem o bem, com as coisas que o salvam do mal eternamente, é que tem estes elementos nas mãos e não lhes dá importância. Diz que está procurando o bem, e com ele nas mãos. Vivente assim está maluco, é um cego, um confuso; enfim, não tem qualificação.
Os viventes que erram sem saber, é uma coisa; mas, os que erram sabendo, com consciência, erram porque querem errar. Os que não sabem ainda têm perdão, mas os que erram sabendo, consciência, não têm.
Com o tempo, todos serão imunizados; mas os que podem ser agora, não devem dar uma volta tão cumprida, se a vida é tão curta. Têm agora em mãos a salvação eterna de si mesmos, se não lhe dão importância é porque querem morrer e nascer aí nesse mundo novamente, para conhecerem o que conhecem agora, saberem o que estão sabendo agora; podendo conhecer ou não, porque podem nascer e não se criar, morrerem, tornarem a nascer e não se criar; enfim, depois de terem a salvação em mãos, descuidarem-se com a preocupação só em bobagens, e o resultado é o sofrimento cada vez maior. Deixam de viver como um sabido, por terem o saber nas mãos, para viverem como uns bobos alegres, como animais que não se compenetram de coisa alguma; a dar cabeçadas, depois de terem a salvação eterna de si mesmos em suas próprias mãos. Quem assim procede, é um anormal, um doente a quem não interessa a própria cura. O vivente, quando se interessa em sua cura, faz por onde, principalmente quando não depende de sacrifícios, quando têm nas mãos a sua salvação dada pelo saber desta escrituração.
Para esses, Eu faço esta simples comparação: como é que o vivente quer ser doutor sem estudar para conhecer o que é medicina? Que é uma coisa que não salva ninguém, remedeia quando pode; é uma coisa com valor aparente. Como é que o vivente quer alcançar a salvação de si mesmo, se ela está na imunização e para ele se imunizar é preciso conhecer esta obra e ele não leu? Não dispensa a ela o tempo necessário para absorver todo o seu conhecimento e em pouco tempo estar de posse de todo esclarecimento do que é Imunização Racional.
Esse mundo é assim mesmo! Uns procurando a salvação sem saberem onde ela está; e outros com ela nas mãos sem lhe dar importância, jogando-a para um canto, para se preocuparem com coisas de maus resultados. Estes não querem ter bons resultados na vida, pois têm o bem em mãos e não se interessam por ele, interessam-se apenas pelo mal e o bem fica jogado para um canto, para quando tiverem tempo. São viventes que demonstram ter muito juízo, mas são uns verdadeiros candidatos ao manicômio. Aparentam serem muito bons, mas de bons nada têm. São maus para si mesmos, e por isso só procuram o mal. Se fossem bons como dizem ser, só procurariam o bem, quanto mais não fosse, o bem de si mesmos.
Existem viventes que têm vida, mas somente vegetam, e quem vegeta, nem a si mesmo compreende, fica perguntando para consigo: “Eu não sei o que quero!”
Trabalha, porque tem que trabalhar para viver, em caso contrário, nem isso faria. E assim, está aí em mãos de todos o conhecimento de salvação eterna. Um bom princípio para firmar quem quer que seja, e com a continuação da escrituração, ficar completo e recompleto de tudo para deixar de reclamar tanto dessa vida, que não é a verdadeira vida. Por não ser a verdadeira vida, é que todos nascem somente para sofrer e depois que chegam à compreensão da vida, reclamam a forma de viver, porque ninguém está satisfeito com essa vida. Sofrem! Quando não é de um jeito, é de outro. Todos sofrem! Depois de tanto sofrimento, de tanta luta, de tanta agonia, qual é o prêmio? É a condenação à morte: às vezes de formas bem horríveis, angustiosas, torturantes e monstruosas.
Eis porque não devem se descuidar da salvação eterna, depois de tê-la em mãos. Só não a aproveitará quem for doente, maluco ou bobo, que não sabe o que quer. Só um vivente assim, é que nada compreende, e por nada compreender, nada quer. Porque, compreendendo, como não vai querer a sua salvação eterna? É só saber onde ela está para segurá-la de unhas e dentes.

Leiam os Livros “Universo em Desencanto”.
A Verdadeira Origem da Humanidade!

FONTE BENDITA RACIONAL – parte 1


(RACIONAL SUPERIOR)
A fonte bendita racional tem por base as seguintes coisas: em primeiro lugar, o bem de todos; em segundo lugar, o bem de todos e em terceiro lugar, o bem de todos.
Por conseguinte, uns estão em primeiro plano, outros em segundo plano ao primeiro, e outros em terceiro plano ao primeiro, e assim, sucessivamente.
Sendo a matéria um ser intolerante, por ser matéria, é que nela estão todos os males.
Na matéria nada se aproveita, porque do nada ela é originada. O que se aproveita, são as sementes, a transformação das partículas que aí estão nessas sete partes deformadas, para a parte racional. Isto sim, é que se aproveita. É o que, levado para o seu estado natural faz com que o vivente não nasça mais aí, para sofrer até chegar a esta conclusão de conhecer o seu verdadeiro estado natural.
É bem desagradável o vivente depois de ter a salvação eterna em mãos, como todos aí a têm, nesta escrituração de redenção universal, por isso ou aquilo se descuida do verdadeiro saber, para se envolver com coisas sem importância.
Esta escrita aí está para todos a lerem bastante, quanto mais a vão lendo, mais se esclarecerão, mais irão guardando os assuntos para saberem explicar melhor, instruir aos que não sabem, aos que não conhecem, e fazer a propaganda. Para fazer divulgação é preciso ler muito, como já estão recomendados, para saberem esclarecer os viventes.
É muito triste o vivente deixar jogado para o lado, para um canto, o que têm em mãos e que lhe pode trazer a salvação eterna e ir se preocupar com coisas frívolas que não trazem resultados, pelo contrário, só trazem atrasos aborrecimentos e passos degradantes.
Portanto, quem tem esta assombrosa virtude em mãos não é para perder tempo, e sim, para se preocupar com a salvação de si mesmos e saber esclarecer a quem precisa o caminho da salvação. O vivente deve ler continuamente para ir se assenhorando de todo o conhecimento, de tudo por mais insignificante que seja, e com o tempo, ir se imunizando, pois sem o conhecimento não poderá ser imunizado. Aquele que ler só por ler e deixar para um canto, não aproveita coisa alguma. O vivente que não tiver conhecimento total deste saber não pode alcançar a imunização, é como querer ser médico sem estudar medicina. Sem saber o que é imunização não poderá compreender se é uma coisa torta ou direita. Portanto, para o vivente conhecer é preciso que leia quantas vezes forem necessárias para ficar senhor deste conhecimento.
Tudo é preciso aprender para saber, porque se nada aprenderem, nada conhecerão.
Eis aí porque o valor da vida está nas sementes, nessas sete partículas que aí estão deformadas, nessas sete partes que são justamente a origem dos vossos corpos, a origem da vossa vida, a origem dessa vida.
Se o vivente não conhecer o que é Imunização Racional, não pode ser imunizado. E não sendo imunizado volta a nascer aí nesse mundo outras vezes para sofrer cada vez mais. E poderia estar livre, por ter aqui a faca e o queijo nas mãos. Isto do vivente correr os olhos na leitura, e sair como coisas que nada leu, nada lhe adiantou. Leia devagar, com atenção, com tempo e todos os dias um pouquinho para ir cada vez mais tomando conhecimento da sua salvação.
A Imunização Racional é o saber para os viventes que querem se salvar, para os viventes que não querem nascer mais aí, com essa vida impostora, sofrendo sempre sem proveito de espécie algum. O proveito é a condenação à morte, por estarem fora do verdadeiro natural racional, condenados aí a sofrer, e depois de sofrer, a morrerem.

(Continua na próxima postagem)

Leiam os Livros “Universo em Desencanto”.
A Verdadeira Origem da Humanidade!