Follow by Email

terça-feira, 24 de maio de 2011

O ARREBATAMENTO E A IMUNIZAÇÃO RACIONAL


(Prof. Porfirio Jesus das Neves)

Antes de existir o pensamento já existia a vida!

Sim, vejam que o pensamento só é desenvolvido depois de certa idade; e somente depois de adulto é que o pensamento adquire plena capacidade de dedução das coisas.

Portanto, torna-se um defeito muito grande quando o pensamento é usado para tentar descobrir as coisas que não são de sua natureza, como por exemplo, o princípio e o fim do mundo.

Surgem assim os pensadores, com suas retóricas alarmantes, interpretando o que acreditam que seja a palavra do Criador e interpretando, de forma equivocada, as profecias que tão certo estavam. E é justamente por causa das interpretações que muitos acabam passando ridículo por não verem cumpridos os atos previstos por suas interpretações.

Está aí mais um anúncio, 7.000 anos depois do dilúvio o dia do arrebatamento dos cristãos.

Na Internet – acontece cada coisa na Internet – encontramos uma página contendo vários arquivos sobre o dia do arrebatamento e dia do juízo final e o fim do mundo.

Um dos títulos anuncia: “O Fim do Mundo está próximo! 21 de Maio de 2011, Deus vai trazer o Dia do Julgamento”! E este artigo encerra com os dizeres: “Para aprender mais sobre os detalhes do fim do mundo você está convidado a escrever para a Rádio da Família, Oakland, Califórnia 94621, EUA e solicitar os livros citados abaixo, gratuitamente, ou baixá-los em nosso site da Internet, www.familyradio.com”.

Em outro artigo dessa página eletrônica, encontramos o título: “Deus revela outra prova irrefutável assegurando que o arrebatamento acontecerá no dia 21 de maio de 2011”.

Em resumo, estes artigos explicam e justificam as interpretações da Bíblia que foram feitas para chegarem a tal conclusão. Que coisa, eihn! “Deus revela” – revela a quem? E por que Deus é tão mau que só revela para meia dúzia? E o povo? Como é que fica?

Naturalmente, não pretendo ficar aqui entrando em detalhes. A fonte dessas informações é de uma organização ou associação que se apresenta como “Family Radio”, ou Família do Rádio, e se intitula um ministério cristão de radiodifusão baseado na Bíblia e sem nenhuma afiliação com igrejas; têm até representantes no Brasil, em Belo Horizonte. Detalhe: sem nenhuma afiliação com igrejas. É só conferir o endereço deles na Internet.

O que nos chamou a atenção é sobre o dia do arrebatamento e como isso é tratado de uma forma aparentemente sensacionalista e a afirmação categórica disso acontecer no dia 21 de maio de 2011.

Uma rápida pesquisa na Internet sobre o significado do arrebatamento, encontramos na wikipedia:

“O conceito de arrebatamento está presente em algumas interpretações de escatologia cristã, inclusive o dispensacionalismo, criadas a partir do século XIX, cujo pontapé inicial foi dado pelo ministro anglicano John Nelson Darby. É uma interpretação de vários livros bíblicos, como por exemplo, o Apocalipse, livro da revelação dada ao apóstolo São João sobre o futuro da humanidade. Trata-se de um momento no qual Jesus resgataria os salvos para o reino dos céus, Nova Jerusalém, deixando na Terra os demais seres humanos que não o aceitaram como salvador”.

Percebam que o conceito de arrebatamento foi criado no século XIX, através de interpretações de um pensador, John Nelson Darby, e aí outros pensadores, usando tais pensamentos como referências, começaram a criar novas interpretações e, como sempre, novas controvérsias, numa evidente comprovação de que o pensamento divide.

O ensinamento é sempre bom, perfeito, a idéia ou interpretação que se faz dele é que denigre.

De qualquer forma, respeitando-se opiniões e controvérsias sobre o dia do arrebatamento estar marcado para o dia 21 de maio de 2011, com tamanha precisão, é o caso de dizer que a partir do dia 22, todos os cristãos que encontrarmos pela frente serão os não salvos, estarão todos em tribulação. É esse o termo que os interpretadores da Bíblia usam para os não salvos ou os “deixados para trás” – tribulação. Imagine você!!! Deus deixando os outros para trás!

E o fim do mundo? Não estava anunciado para o dia 21 de maio? Há estava sim – dizia o anúncio: o fim do mundo está próximo; no dia 21 de maio Deus vai trazer o Dia do Julgamento.

Naturalmente, um dia para Deus equivale a mil dias para nós, dizem eles, portanto esse julgamento vai demorar um pouquinho mais.

Ora, ora, meus amigos! O fim do mundo começa todos os dias, a todo instante, porque todos os dias estamos sendo julgados e avaliados pela vida – essa é a regra natural da Natureza. A todo instante começa um fim de mundo dentro de cada um de nós, e um novo mundo renasce.

Ver pessoas se afirmarem como representantes ou interpretadores das coisas divinas, seja lá de que forma for, em nome de Deus ou do Astral Superior, como se Deus e as Divindades precisassem de intermediários, este mundo, para mim, já acabou; por isso, não me permito mais aceitar tais interpretações, e assim recomendo para quem tiver algum juízo!

O ensinamento é bom, a idéia que fazem do ensinamento é que estraga.

Apesar disso tudo, na Cultura Racional vamos encontrar várias formas de explicar esse tal fim de mundo e as justificativas para todas estas mudanças que estão acontecendo por aí, tidas como o “dia do juízo final”, pelas interpretações feitas acerca da Bíblia.

No livro Universo em Desencanto somos esclarecidos de vários pontos e de formas repetidas a respeito destes temas: fim do mundo, arrebatamento, salvação. E, diga-se de passagem, sem criar controvérsias, sem ser contra ninguém, combatendo apenas o atraso ou formas interpretadas daquilo que estava muito certo e que modificaram pelas más traduções.

Logo no primeiro volume do livro Universo em Desencanto temos o título de uma lição:

“OS PRIMEIROS ANÚNCIOS DA IMUNIZAÇÃO” que explica e comprova que as profecias, a respeito desta fase que estamos passando, estavam certas. E deixa a perceber, para bom entendedor, como foram armadas as trapalhadas através da história da humanidade; trapalhadas feitas por conveniências dos aproveitadores, diga-se de passagem. O termo trapalhadas é meu, não foi usado pelo autor do livro. O autor do livro qualifica esses elementos aproveitadores do alheio, como criminosos.

Há! Já ia esquecendo de relembrar que a fase atual da humanidade é a Fase Racional; terminou a fase de animal pensador e entrou em vigor a fase do desenvolvimento do Raciocínio.

Novos tempos!

Vejamos alguns trechos de uma lição reveladora, no primeiro volume do livro Universo em Desencanto, que consagra os verdadeiros ensinamentos e que são úteis para o desenvolvimento do Raciocínio de todos.

“A IMUNIZAÇÃO RACIONAL já foi anunciada há muitos séculos por Nostradamus e São João, nos papiros, que diziam o seguinte: “Depois que o mundo atravessar as hecatombes que vai passar, virá então, a Redenção Universal, por meio da IMUNIZAÇÃO RACIONAL, e todos irão saber o que é IMUNIZAÇÃO RACIONAL, quando for dada a conhecer a todos o significado deste grande ser“.

“E assim, com o decorrer dos tempos, chega agora, o tempo dela ser conhecida, universalmente.

Chega agora, para todos, a Redenção Universal. E por que anunciaram

todos os episódios maus que no mundo tinham que passar? Porque eles sabiam das multiplicações de ciências desnecessárias que iriam evoluir entre todos, para que ficassem descompreendidos e aí reinando então, as confusões e as guerras de todas as espécies, porque a natureza dos homens é adaptada a todos os seres que iriam fazer coisas assombrosas. Então, citaram uma infinidade de coisas que iriam se passar, como já se passaram e estão se passando”.

E, na continuação, deste e outros trechos, seguem mais esclarecimentos e detalhes que explicam esta “parafernalha” de ciências alarmantes e, com muita propriedade Racional, revelando a todos, que lerem com atenção, quem é e como é este grande ser, a Imunização Racional.

Interpretações à parte, o arrebatamento é um ensinamento que pode ser visto validado, em parte, na Cultura Racional, com um trecho da lição intitulada: “COMO É A IMUNIZAÇÃO RACIONAL”. Percebam se dá ou não o mesmo sentido.

“O vivente que é imunizado vive aí nesse mundo, mas não mais pertence a ele. Sim, porque não nascerá mais aí, em virtude da IMUNIZAÇÃO RACIONAL ser da planície cá de cima, onde estão os outros puros e perfeitos, que foi de onde saíram para aí. E por a Imunização ser feita de cá, é que as sete partículas que aí se acham deformadas nessas sete partes, irão sendo trazidas para o seu estado natural, que é aqui em cima, na PLANÍCIE RACIONAL, conforme os viventes vão sendo imunizados e essas partes trazidas para aqui, darão forma aos verdadeiros corpos naturais e uma vez esses corpos aqui feitos, não mais nascerão aí, nesse mundo de encanto, nesse mundo de deformação”.

Isto não é uma comparação é uma complementação elucidativa para o termo arrebatamento.

Como podem perceber A Cultura Racional é em favor de tudo e de todos por tudo e todos serem de origem Racional. Portanto, o arrebatamento bíblico também é uma forma de anunciar a Imunização Racional, mas, sem contagem de tempo, sem data marcada.

É tudo dentro do natural de cada um – que cada um faça por onde ser Imunizado Racionalmente, lendo e relendo com muita atenção e sem preconceitos o livro da Cultura Racional, o Universo em Desencanto, ainda dá tempo!

Não fique aí pensando, desenvolva o seu Raciocínio – Racional, urgentemente!

Você prefere ser arrebatado ou ser imunizado?

Rádio Tropical 830 AM – RJ – 20/05/2011

www.programaavozracional.com.br

www.culturaracional.com.br

www.encontroracional.com.br

Um comentário:

Anônimo disse...

O autor do documento comenta sobre uma das muitas profecias que fizeram com que seus idealizadores ficassem de "saias justas". Diz com propriedade, que, o pensamento, só depois de adulto adquire plena capacidade de dedução das coisas. A título de curiosidade, já que o comentarista cita a Bíblia, quero dizer que, segundo ela, Deus fez tudo: Os céus e a terra. Fez a luz, os vegetais, os seres viventes. Fez o homem a sua imagem e semelhança. Homem e mulher os criou (não menino e menina). Deus os fez pronto, num verdadeiro paraíso; e disse: Frutificai e enchei a terra. Também se relacionava com eles. Portanto, os fez maduros. Seres pensantes (no sentido mais verdadeiro da palavra)!

Falando das profecias sobre o fim do mundo que o comentarista cita (há também a de 2012, entre outras), enfatizando o conceito de arrebatamento pela wikipedia, datando a partir do sec XIX pelo ministro anglicano Johm Nelson Derby e as várias interpretações advindas de vários pensadores, gostaria de chamar atenção a um pequeno detalhe, detalhe esse que os que "raciocinam" talvez tenham dificuldade de comprovar, tanto quanto a de mostrar o que eles mesmos divulgam; pois, se pensassem, saberiam que, muito antes da wikipedia; muito antes dos interpretadores da Bíblia; muito antes do ministro anglicano John Nelson Derby; já existia na Bíblia um diálogo entre Jesus e seus discípulos a esse respeito, em que Jesus diz assim: "Daquele dia e hora, porém, ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, senão só o Pai." (MT 24: 36). Se pensassem, teriam pelo menos a curiosidade de conferir nas Escrituras. Falando dela, Jesus disse: "Examinais as Escrituras, porque são elas que de mim testificam".