Follow by Email

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

A NATUREZA NOSSA MÃE

(Angela Maria, Recife, PE)
À medida que a humanidade foi evoluindo, aconteceram mudanças que, não percebidas, transformaram modos e meios de conviver coletivamente. Em cada época os costumes foram sendo adaptados ao meio, cada cultura tratando de si mesma.
No entanto o homem sempre dependeu da Natureza para sua subsistência. Como quem está em aprendizado constante, fomos experimentando tudo ao nosso redor: o que fazia bem se tornando presente nas necessidades básicas humanas, o que fazia mal sendo afastado, muito embora alguns perderam vidas, saúde por não saber distinguir o bom daquilo que faz mal.
Dessa maneira nós começamos a caminhar num mundo sem sabermos nada de si, tudo foi sendo descoberto mediante experimentações.
Nesse caminho foram descortinados, para a sobrevivência humana, a natureza animal, vegetal, mineral dentre outras. Mesmo com essa evolução, nunca o homem descortinou sua origem, essa sempre foi contada em cada cultura mediante os experimentos vividos pelos grupos de convívio.
Respeitando a tudo e a todos, a Natureza sempre esteve presente, não importando cor, costumes, cultura, isto porque a Natureza é um Ser vivo, que nos mantém desde que saímos de uma parte Limpa, Pura e Perfeita nosso Mundo de Origem.
Para que aqui pudéssemos viver, Ela foi sublime em nos oferecer tudo, todo o necessário para sobreviver em um mundo degenerado do natural de todos.
Em cada fase mudaram-se vestimentas, alimentações, habitações, filosofias, religiões, etc. tudo porque como uma mãe que dá o melhor a seu filho, a Natureza nos proveu de pensamento, imaginação e Raciocínio.
Em nossa cabeça funcionam estas três máquinas, ou melhor funcionou, a máquina da imaginação (nos conduziu no primeiro milênio, éramos selvagens), no segundo milênio a máquina do pensamento (nos conduziu, éramos civilizados) e agora o terceiro milênio regido pela máquina do Raciocínio, que é a Fase natural da natureza, onde nos encontramos com nossa Verdadeira Origem, onde começamos a olhar para o Alto e ver que não estamos sozinhos nesse imenso universo.
Chegou para todos o conhecimento de si, de onde viemos, porque viemos e para onde vamos e como vamos.
A mãe nos mostra mais uma vez o caminho certo a seguir.
No entanto, Ela respeita nosso livre arbítrio e assim cabe a cada um decidir se obedece ou se vai experimentar mais um pouco dessa vida cercada de sofrimentos.
A evolução natural da Natureza agora é Racional. E por assim ser, é que AGORA podemos ter contato com os demais habitantes de outras paragens, desde que desenvolvamos este SER RACIONAL, através do estudo da Cultura dele, a Cultura Racional.
Pois, se a origem de tudo e de todos é uma só, é Racional, ao nos ligarmos ao nosso SER RACIONAL, automaticamente nos ligamos a todos os seres existentes no universo em que vivemos e fora dele, porque RACIONAL é Um só SER. E, por isso, RACIONAL é o SER REAL, onde tudo está UNIDO!
E as provas e comprovações de tudo isso todos terão, desenvolvendo o seu RACIOCÍNIO e se ligando ao SER REAL, o SER RACIONAL, através do estudo dos Livros Universo em Desencanto, de Cultura Racional, a cultura do VERDADEIRO SER, do SER REAL, do SER RACIONAL.
Permita-se SE CONHECER, quer dizer, permita a si mesmo conhecer o seu SER REAL, o SER RACIONAL, que é o mesmo SER REAL da Natureza nossa Mãe Verdadeira, porque RACIONAL é um só, por A ORIGEM ser uma só e, por isso, a VERDADE é uma só, porque provém da ORIGEM e, não deste universo deformado e sem estabilidade em que vivemos.

Nenhum comentário: