Follow by Email

terça-feira, 1 de outubro de 2013

O PRIMEIRO DOS SETE ENIGMAS DA HUMANIDADE

(Severino dos Reis)
Estudiosos e analistas sérios da mente humana, como Krishnamurti e Lobsang Rampa, mencionam com propriedade em suas dissertações, a ineficiência do pensamento, nas soluções dos problemas atuais da humanidade.
A CULTURA RACIONAL afirma, com todas as letras, que a fase do pensamento acabou em 04 de Outubro de 1.935; e desde então, o pensamento vem enfraquecendo. E o enfraquecimento do pensamento é a causa da violência e de todos os desequilíbrios que assolam o mundo atual.
Por isso os Discos Voadores, os extraterrestres, estão sempre presentes em nossos comentários; pois a violência e todos os desequilíbrios causados pelo enfraquecimento do pensamento, tem solução nos estudos da CULTURA RACIONAL, que é de um extraterreno o RACIONAL SUPERIOR. Mas a CULTURA RACIONAL é abrangente a todos os estudos, porque completa o saber humano; e ensina com determinação, desvendando todos os mistérios e enigmas da humanidade. Que segundo Hackel e Du Bois Raymond, são sete os enigmas que desafiam os conhecimentos do homem.
O 1º enigma, a natureza da matéria e das energias.
O 2º enigma, a origem dos movimentos.
O 3º enigma, o aparecimento da vida.
O 4º enigma, a finalidade da Natureza.
O 5º enigma, o aparecimento da sensação e da consciência.
O 6º enigma, a Razão, o pensamento e origem da linguagem.
E o7º enigma, a questão do livre arbítrio.
Então, nos comentários a seguir, estaremos explicando e dissertando sobre esses setes intrigantes enigmas, que chamam a atenção, não só de Heckel e Du bois Raymond, mas de todos os estudiosos, que nunca se acomodaram e sempre saíram em busca de explicações para o inexplicável; para esses, a busca termina quando encontram a CULTURA RACIONAL.
Sabemos que é impossível começar a construção de uma casa pelo telhado; a sábia Mãe Natureza, também não levaria seus filhos, primeiro à Universidade; logicamente esperou que se preparassem, nos cursos primário e secundário. Quero dizer: na Cultura da Pré-história, no primeiro milênio e na Cultura da Civilização no segundo milênio, para então trazer a Cultura do terceiro, a CULTURA RACIONAL e então, explicaria todos os enigmas.
Entretanto, é natural, que muitos alunos ainda no segundo grau, fizessem perguntas, cujas respostas, só viriam e seriam respondidas, na Universidade. É o que aconteceu com os seres humanos, muitas perguntas feitas no 2º Milênio, na Cultura da civilização, que só seriam respondidas na Cultura do 3º Milênio, a CULTURA RACIONAL. Então foram chamadas de enigmas, precipitações dos primários do 2º Milênio, que queriam saber tudo sem completar os estudos da emancipação da vida.
Agora sim; chegou a Cultura do 3º Milênio, agora podemos.
Portanto, vamos às explicações do 1º enigma: “COMO SURGIU A NATUREZA DA MATÉRIA E DAS ENERGIAS”.
A 21 eternidades atrás, há milhões de anos luz daqui, existia e ainda existe, uma galáxia chamada de MUNDO RACIONAL, onde tudo é puro limpo e perfeito. Com seus habitantes, Racionais, puros limpos e perfeitos e que os seus trabalhos, também eram só progresso de pureza; isto é, de puro para mais puro sempre, um mundo de perfeição. E por ser perfeito não se transformava porque era eterno, criado pelo RACIONAL SUPERIOR.
E o RACIONAL SUPERIOR, estava criando mais uma planície Racional, mas ela ainda não estava pronta para o progresso dos Racionais e ele alertou a todos, que eles não poderiam progredir naquela parte porque ela não estava pronta para o progresso dos Racionais. Mesmo assim, uns tantos Racionais, entraram por essa parte e começaram progredir por conta própria, usando o seu livre arbítrio, causando a deformação da planície. Porque ao invés de progredir indo para frente, regrediu indo para trás; começando aí as transformações e deu início à contagem de tempo, que até então tudo era eterno não existia tempo.
Mas a planície com aquele progresso indevido começou a se deslocar,desprendeu-se e foi descendo, afastando da sua galáxia de origem, transformando com o tempo, o que era puro e de luz, numa deformação em transformação constante de matéria. E os Racionais por sair do seu estado natural, começaram a perder energia de seus corpos que também era de luz; e essa luz, essa energia que saía dos corpos de todos eles, iam se reunindo em ponto do cosmo, formando um foco de luz, para onde convergia toda energia dos corpos dos Racionais. Assim, os corpos dos Racionais sempre diminuindo e o foco de luz sempre aumentado, começou a gerar o calor que até então não existia; e o calor começou a amolecer a planície que foi virando uma goma. E o calor sempre aumentando, a goma cada vez mais amolecendo e fervendo, criando espuma, uma resina. Com mais calor a resina secou queimou e virou cinza, é o que nós chamamos de terra, a matéria sólida. E a goma derreteu virou líquido, o que nós chamamos de água.
A vibração da água passou a produzir o campo elétrico: a energia elétrica. E a vibração da terra passou a produzir o campo magnético: a energia magnética. Sendo a Planície, Energia Racional que se transformou, (bifurcou-se) em terra e água, energia elétrica e energia magnética. E assim, está explicado e solucionado, o 1º enigma, que é: a origem da matéria e das energias. Mas é preciso saber, que quando surgiu a matéria, tinha passado apenas três eternidades, estava ainda no início das transformações. A terra era deserta, só mais tarde é que surgiram as nossas vidas, produto dos Racionais que perderam toda energia de seus corpos para o foco de luz e o que restou ficou como semente da vida, encima da recém formada água e terra. Por a Natureza ser evolutiva, veio transformando tudo numa órbita rotativa, em frente sempre, no sentido regressivo, para um dia chegar novamente, no lugar de onde saiu: no MUNDO RACIONAL.
Mas, quando atinamos em saber a origem da matéria e das energias, a vida já estava pronta e evoluindo há 21 eternidades; era impossível saber como surgiu o Universo e tudo que nele existe. Porque ninguém! Inteligência nenhuma poderia parar a ação rotativa das transformações da natureza e muito menos inverter a rotação, dar marchar ré, para ver o início; pois essa seria a única forma possível de saber, como foi o início do Universo, sem nenhuma margem de erro! Ou, esperar completar a órbita. De outra forma, é dar tiro no escuro, pensa que matou um Dinossauro, vai ver era lagartixa e mesmo assim errou o alvo. É o que sempre aconteceu: vem um, estuda, pesquisa anos e anos, faz uma tese, todos aprovam e o autor fica famoso. Daí a alguns tempos, outros descobrem que a tese anterior estava errada, porque agora é que descobriram a teoria certa; e assim vem vindo nos estudos do segundo milênio.
Num Universo aonde tudo vai se transformando, não existe nada certo; porque é certo hoje, amanhã se transformou o certo já é outro. Porque os Cientistas só fazem o que pensam, o que vem em seus pensamentos; e o pensamento não foi feito para acertar! Ele foi feito apenas para definir as coisas da evolução da matéria para lapidar. Para definir o certo, viria a energia Racional para desenvolver o Raciocínio! Desenvolvendo o Raciocínio, alcança a meta final que é o MUNDO RACIONAL, o fim da órbita regressiva das transformações da natureza! Exatamente o ponto zero onde tudo iniciou; nesse ponto, acabam todos os mistérios e enigmas; encontra explicação para tudo, e o que é, é mesmo porque é eterno. Agora está aí a CULTURA RACIONAL, a fonte da energia Racional para desenvolver o Raciocínio e completar a órbita, para todos que desenvolver o Raciocínio. Se você está cansado de acreditar em coisas que pareciam verdade, depois fica provado que era mentira, que era apenas elucubração do pensamento! Se você está cansado de trabalhar tanto, de estudar tanto, de aprender tanto e depois de saber tudo que aprendeu ter que morrer sem querer e deixar tudo aí, sem ter alternativa! Então vem estudar a CULTURA RACIONAL, vem desenvolver o seu Raciocínio e comprove por si mesmo. Você pode sair desse mundo de transformações, de dor e sofrimento, para o MUNDO RACIONAL, de onde nós saímos por vontade própria. Mas é estudar mesmo, para sentir a vibração da energia racional desenvolvendo o seu Raciocínio! E não dar uma lida por curiosidade e dizer que conhece e não viu nada.

Nenhum comentário: