Follow by Email

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

QUEM É O CULPADO?


Amigos, SALVE!
É preciso que vocês se conscientizem de que ninguém é culpado do que está acontecendo no mundo inteiro – por pior que seja.
Em postagem anterior, deixamos isso muito bem esclarecido: http://origemverdadeira.blogspot.com.br/2014/02/alerta-todos-os-governantes-autoridades.html
A hora não é para revoltas nem lamentações. Não adianta chorar sobre o leite derramado e, sim, deixar no chão o que se perdeu e correr atrás de novas fontes do leite.
E nova fonte de energia já se encontra na Terra, para suprir a humanidade de forças transcendentais com poder absoluto sobre o mal que campeia sobre a cabeça de todos e que veio, ao longo dos tempos, muito sutilmente, sugando a energia positiva de toda a humanidade.
O campo espiritual, que pertence a este mesmo mundo em que vivemos, já está saturado, de tanto repor e repor e repor o que da humanidade as trevas sempre sugaram para que essas trevas pudessem se manter sobre a humanidade.
Temos um dever de gratidão ao mundo espiritual. Chegou a hora em que nós, agora, é que estamos com a missão de repor no mundo, de forma definitiva, a positividade que do mundo veio sendo tirada, dos visíveis e dos invisíveis do BEM.
Essa é a grande mudança ocorrida na Natureza. Somos agora os responsáveis de trazer a harmonia definitiva para todos os seres.
E para tanto, precisamos nos ligar na fonte geradora dessa ENERGIA SUPERIOR, do mundo transcendental, que deu origem a este segundo mundo em que vivemos. E essa fonte é o livro do Mundo Transcendental Supremo, o livro Universo em Desencanto.
Neste livro os Amigos vão provar e comprovar em si mesmos, que ninguém é culpado de ser como é. Mas, é culpado de aqui estar no mundo da matéria, sofrendo, penando – LIMITADO – e lutando em vão pelo nada, para tudo acabar em nada.
Então, Amigos, liguem-se à eternidade em vida, enquanto há tempo, nestes últimos dois meses de 2014, lendo os livros Universo em Desencanto, de Cultura Racional, a cultura natural da Natureza, por ser a cultura da origem de tudo e de todos.

Nenhum comentário: