Follow by Email

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

O EU E O TU


(James de Lima, estudante de Cultura Racional, Feira de Santana, BA)

Amigos, SALVE!
Muito interessante, empolgante, quando a gente passa a SE CONHECER!
É quando percebemos a diferença existente entre o EU e o TU, mas, mais fantástico ainda, o fato de irmos além e reconhecermos ainda a existência do EU SUPERIOR e a do EU INFERIOR.
Encantados de tal forma estávamos com o nosso TU (que é o todo que se vê da pessoa, a parte aparente), que nem de leve suspeitávamos que ele é uma projeção:
ou do EU INFERIOR (nossa parte interior invisível), que irradia no nosso TU ora o mal e ora o bem aparente (quando a pessoa não se conhece);
ou o retrato fiel do EU SUPERIOR (quando a pessoa se conhece).
Para exemplificar:
Meu nome é James, mas, James não é o meu EU SUPERIOR, é um rótulo que me deram ao nascer, que deram ao meu TU, ao meu ser aparente.
Sou também músico. Mas, não é o meu EU SUPERIOR que é músico, o músico é o meu EU INFERIOR que se projeta e comanda o meu TU de músico, com apresentações e composições boas (aparentes) ou más.
Moro na Bahia, mas, não é o meu EU SUPERIOR quem vive na Bahia e, sim, meu EU INFERIOR e o meu TU, pois, meu EU SUPERIOR é um Habitante do MUNDO RACIONAL, que está materializado em forma de máquina do raciocínio, no centro de minha cabeça, na glândula pineal, e e ELE precisa ser desenvolvido pela ENERGIA RACIONAL do mundo ao qual pertence, o MUNDO RACIONAL, porque o RACIOCÍNIO, esse EU SUPERIOR, só entra em função quando ligado ao seu mundo natural, que é o MUNDO RACIONAL.
Portanto, o EU SUPERIOR não tem função, nem consegue viver fora do seu verdadeiro habitat. Ele está na minha cabeça, mas, não é um morador deste mundo inferior em que habitamos, é um morador do MUNDO RACIONAL.
Portanto, a verdade sobre mim (que é a mesma sobre toda a humanidade) é que sou um Habitante do MUNDO RACIONAL, meu lar é o MUNDO RACIONAL, estou de passagem neste mundo de matéria, estou preso pelo TU, que por sua vez é projeção do EU INFERIOR que tem duas faces: a magnética (o mal) e a elétrica (o bem aparente).
Portanto, estou aqui de passagem, aprisionado pelo TU e pelo EU INFERIOR, porque cometi um crime: saí do meu MUNDO VERDADEIRO, do MUNDO RACIONAL, o mundo do meu verdadeiro habitat natural, para dar um passeio numa parte do MUNDO RACIONAL que ainda estava em formação RACIONAL, achando que aquele passeio seria uma maravilha, e olhem só no que deu! Olhem só o resultado da maravilha!
Basta acompanhar a história da humanidade e os fatos medonhos que nos informa a mídia, para termos provas bastantes e suficientes para a conclusão de que esse passeio “maravilhoso” tem sido, na verdade, um fracasso tenebroso e vergonhoso!
Preciso voltar urgente para o meu Verdadeiro Lar, meu Verdadeiro Mundo de Origem.
E vou voltar. Sim, voltarei, mas, somente depois que me desapegar e me desprender do meu TU e do meu EU INFERIOR – e para isso preciso conhecer, aprender e colocar em prática os valores reais que sensibilizam o despertar completo e o desenvolvimento do meu EU VERDADEIRO, para que ele retorne ao seu habitat natural, e de lá, comandando o EU INFERIOR que, dessa forma passa a ser APENAS  UM EU INTERIOR, não mais INFERIOR, por ficar sob o comando do EU SUPERIOR, realmente positivo e, assim, agindo RACIONALMENTE, tanto a direita quanto a esquerda.
E, assim, sou grato ao James, projeção do EU INFERIOR no TU e , por tudo que fez e tem feito por mim, mas, logo, logo estarei voltando para o meu Mundo Verdadeiro, e o James vai ficar em paz aqui neste mundo de matéria, aguardando o dia em que sua validade vence, pois, tudo na vida da matéria tem princípio e tem fim, por a matéria ser um ser aparente, que nada vale.
Certifiquem-se, Amigos, de tudo isso, como também procurei me certificar e me dei muito bem, lendo, pesquisando e estudando os livros de Cultura Racional, Universo em Desencanto.

Nenhum comentário: