Follow by Email

quinta-feira, 13 de junho de 2013

QUEM CATALIZA É A MENTE

(João de Castro, SP)
Pesquisando alguns livros sobre mente, gens e corpo, dentre os quais o livro de Bruce Lipton sobre citologia, chegamos ao seguinte consenso, que é mais ou menos como descrevemos a seguir.
Os gens estão abaixo da MENTE, que está abaixo do raciocínio, que é a mente superior, ENERGIA RACIONAL, energia absolutamente equilibrada, em contato com a ENERGIA RACIONAL da Natureza.
Portanto, uma mente regida pelo raciocínio irá catalisar a ENERGIA RACIONAL da pessoa e que estava dispersa nas sete partes da natureza (sol, lua, estrelas, água, terra, animais vegetais), partes essas que dão origem e causa ao fluido que forma a harmonia do ser humano.
E, assim, sob a égide do raciocínio, da ENERGIA RACIONAL, os gens serão “orientados” para produzir as predisposições necessárias para que o indivíduo consiga vencer os entraves do artifício, da cultura artificial, da cultura materialista, que é uma cultura contra a verdadeira natureza humana e, conseqüentemente, contra toda a NATUREZA.
Bruce Lipton sempre esteve envolvido com estudos no campo da citologia (estudo das células), o que o levou à conclusão de que tanto o meio como o sistema de crenças são fatores predominantes sobre a formação e desenvolvimento do corpo humano.
Sempre se acreditou que os gens controlavam o organismo humano, quando na verdade é a Mente que organiza as células e as delimita em suas funções.
A percepção humana, com efeito, desempenha papel fundamental como catalisadora daquilo que o sistema de crenças oferece.
“Sempre tivemos uma noção muito superficial de como os gens operavam”, afirma Bruce Lipton. “Mas, estávamos cientes de que eles determinavam as predisposições básicas em nosso organismo! Na verdade, os gens não possuem total controle sobre o que somos!”
Bem, teremos que nos servir da história para compreender o ponto de vista de Bruce Lipton.
Tudo começa na época das descobertas de Newton (físico inglês), envolvendo as leis da Física. O conceito de que tudo funcionava dentro de sistemas físicos e mecânicos também acabou por influenciar a biologia, que começou a ver o organismo humano como uma máquina. Tal postura simplista descartava um outro aspecto que era muito mais essencial que o adotado, a ENERGIA!
Em 1600 a Sociedade Científica e a Acadêmica demonstravam grande euforismo e entusiasmo com relação à idéia de que o corpo era, verdadeiramente, uma máquina biológica. Conseqüentemente, as Leis da Física, descobertas por Newton, tornaram-se a base de um conhecimento “materialista” do homem, onde a matéria orgânica passou ocupar posição de destaque.
Diante disso, todo o sistema de crença foi adaptado para preservar e difundir o conceito físico-mecânico do corpo humano, cujas funções poderiam ser alteradas através de PÍLULAS que desencadeariam um processo químico para as alterações hormonais, sanguíneas e dos órgãos humanos.
Entretanto, tal conceito começa a ser derrubado pelos avanços da ciência no campo da Física Quântica, onde o ponto nefrálgico da questão deixa de ser a MATÉRIA para tornar-se a ENERGIA.
Essa nova perspectiva busca clarificar a relação entre AMBIENTE, MENTE E GENS, e não apenas GENS e CORPO.
A visão das funções das células como meros expedientes do processo FÍSICO-MECÂNICO, ou seja, MATERIAL, cedeu lugar à relação AMBIENTE-MENTE E GENS.
As descobertas de Bruce Lipton estão, aos poucos, destruindo a idéia de que os gens influem no comportamento das células. É o sistema de crenças (MENTE HUMANA) que irá desencadear no organismo humano alguns aspectos, os quais lhe são compatíveis e que estão contidos nos gens humanos.
Por conseguinte, não há nada errado com os nossos GENS, mas, com o ESTILO DE VIDA que levamos. Acreditar que estamos limitados aos nossos GENS nos torna impotentes com relação ao processo de mudança e adaptação que deve ocorrer em nossas MENTES.
A vida moderna está totalmente imersa nos princípios NEWTONIANOS, ou seja, pura MATERIALIDADE! Pela FÍSICA QUÂNTICA é a mente humana que determina a REALIDADE na qual vivemos, portanto, se ELA for negativa, irá catalisar somente aspectos negativos que também existem como predisposições em nossos GENS!
Seria impossível combater a OBESIDADE, DIABÉTES ou o CÂNCER sem nos atermos ao princípio de que esses sintomas são catalisados pela MENTE HUMANA do AMBIENTE e depois transmitidos aos GENS, que apenas executam aquilo que ELA lhes transmite!
Para ver a comprovação da supremacia energética sobre a parte física, que se restringe a obedecer os comandos da primeira.
E, assim, fica provado e comprovado que todo materialista se torna um simples robô – um SER INFERIOR, por ignorar a superioridade da força energética sobre a parte bruta material.
E mais, sendo o Raciocínio a Raiz Mestra da Fecundação Universal, a cada ciclo da espiral cósmica da descida DO MUNDO PERFEITO, ABSOLUTO, de onde somos originários, para o mundo inferior que passamos a constituir com a descida do MUNDO DE ORIGEM (ABSOLUTO), ia se formando no corpo de Energia mais uma volta da espiral do DNA.
Cada estrela formada nas dobras espaciais do tempo ia formando uma informação (ou instrução) semelhante na espiral do GNA e depois DNA.
O Raciocínio é o computador eletrônico do corpo, por ser Ele Energia Racional, onde está gravado o passado, o presente e o futuro.
Reparem na figura acima a semelhança entre a espiral de descida e a espiral do DNA.
E, assim como o DNA de 2 metros de comprimento fica dobrado sobre si mesmo ocupando um volume de microns cúbicos, todas estas nossas galáxias formadas pela espiral de descida estão dobradas sobre si mesmas ocupando um volume cósmico que representa apenas um “pedacinho” da Planície Racional, o MUNDO PERFEITO, de onde saímos.
Portanto, este Universo em que vivemos, à semelhança de um DNA que degenerou, esse Universo representa um tumor dentro do Corpo Puro Limpo e Perfeito da Planície Racional.
E, assim, explicando em resumo: a espiral do GNA e do DNA correspondem à espiral da descida da Planície Racional que não estava pronta para entrar em progresso. E tudo isso gravado no raciocínio, que representa os Habitantes do Mundo Racional que desceram também, perdendo virtudes, que são vidas que deram origem a outras vidas, sendo o raciocínio a última virtude que se materializou em forma de máquina do raciocínio, na Glândula Pineal.
O DESENVOLVIMENTO DO RACIOCÍNIO É EXATAMENTE A PAULATINA TOMADA DE CONSCIÊNCIA DAS INFORMAÇÕES/INSTRUÇÕES CONTIDAS EM CADA ESPIRAL.
SÃO 21 DOBRAS DA ESPIRAL.
QUANDO TOMAMOS POSSE DAS INFORMAÇÕES/INSTRUÇÕES CONTIDAS NAS 21 ESPIRAIS, O RACIOCÍNIO TORNA-SE COMPLETAMENTE DESENVOLVIDO E SE LIBERTA DAS TREVAS EM QUE FICOU PARALISADO NESSAS 21 ETERNIDADES (ESPIRAIS).
ENTRETANTO, ESSA LIBERTAÇÃO, DIGA-SE DE PASSAGEM, DEPENDE NÃO TÃO SOMENTE DE ESTAR CONSCIENTE DAS INFORMAÇÕES, MAS, CARECE DE QUE A PESSOA COLOQUE EM PRÁTICA AS INSTRUÇÕES CONTIDAS NESSAS 21 ESPIRAIS PARA PODER, ENTÃO, SE LIBERTAR - AÍ ESTÁ A RESSURREIÇÃO DO HABITANTE DO MUNDO RACIONAL QUE ESTAVA MATERIALIZADO EM FORMA DE MÁQUINA DO RACIOCÍNIO NA GLÂNDULA PINEAL!
DONDE SE CONCLUI QUE A TEORIA É MUITO BOA, MAS, A PRÁTICA É MUITO MELHOR!
PORTANTO, O RACIOCÍNIO, O HABITANTE DO MUNDO RACIONAL, QUE TÊM EM SI TODAS AS INFORMAÇÕES/INSTRUÇÕES DAS 21 ESPIRAIS GRAVADAS EM SI, AO SE DESPERTAR E SE DESENVOLVER, PASSA A FUNCIONAR COLOCANDO EM AÇÃO ESSAS INSTRUÇÕES, CORRESPONDENDO AO NATURAL DA NATUREZA, IMPLANTANDO A PAZ, O AMOR, A FRATERNIDADE, POR AGIR DE ACORDO COM AS LEIS NATURAIS QUE REGEM O UNIVERSO, CONSUMANDO A CONCÓRDIA UNIVERSAL. ASSUMINDO, ASSIM, O SEU VERDADEIRO PODER DE CENTRO ASTROLÓGICO, CENTRO IMUNIZADOR RACIONAL (IMUNE A TUDO AQUILO QUE NÃO CORRESPONDA ÀS LEIS NATURAIS DO UNIVERSO). É O FIM DA NEGATIVIDADE NA TERRA.
Aí está a supremacia do RACIOCÍNIO, ou seja, a supremacia do MUNDO ENERGÉTICO ORIGINAL, RACIONAL.
Conheçam com detalhes o porquê dessa superioridade, pesquisando seriamente o livro que esgota todo o assunto sobre as 4 mecânicas do universo e suas correspondentes hierarquias, nos livros de Cultura Racional, Universo em Desencanto.
Aí irão entender e compreender, com base e com lógica o porquê que quem catalisa é a Mente Superior, o RACIOCÍNIO, dependendo o equilíbrio de cada ser humano do desenvolvimento do seu raciocínio, INDIVIDUALMENTE, e de mais ninguém.

Nenhum comentário: