Follow by Email

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

O CAMPONÊS E A LANTERNA


(José Severino dos Reis)

Aqui neste site não falamos com base nas lendas, nas histórias, nem calcados em teorias científicas. Apenas informamos e divulgamos o que aprendemos na CULTURA RACIONAL nos livros, UNIVERSO EM DESENCANTO. Livros
ditados pelo RACIONAL SUPERIOR, a Manoel Jacintho Coelho (1903-1991), o seu único representante aqui na Terra, que já nasceu com o raciocínio desenvolvido, para receber esses ensinamentos, transformá-los em livros e passar para a humanidade.
Voltamos a dizer, que o nosso site é apenas uma das formas de propagar a Cultura Racional, que é uma outra cultura, a cultura do Terceiro Milênio.
Queremos enfatizar também que não estamos aqui ensinando a CULTURA RACIONAL.
Para aprendê-la é preciso estudar anos a didática da CULTURA RACIONAL, que são os livros UNIVERSO EM DESENCANTO.
Os que vêm acompanhando, desde março de 2006, todos as nossas postagens, certamente já entenderam, que a CULTURA RACIONAL ensina tudo que a humanidade sempre procurou saber. E devem já ter entendido também, que ela é indispensável para todos, porque ela apresenta a saída, para o beco sem saída, que visivelmente se aproxima e se instala na vida da humanidade.
Então, por um instante eu me lembro de uma tragédia que ocorreu no sul do Brasil, em meados dos anos 60. Quando uma tempestade transbordou um rio, e levou a ponte, de uma rodovia muito movimentada. E ninguém percebeu, porque já era noite.
As águas saíam do leito do rio e se estendiam pelas margens, tirando a visão da ponte, que, naquele instante, já não existia mais. Tinha sido levada pelas águas.
Então, um camponês que morava perto do rio, ao ver a ponte ser levada pelas águas, num gesto de amor ao semelhante, saiu embaixo daquele temporal.
E, assim, foi para a beira da estrada, com uma lanterna na mão, para dar sinal aos motoristas, que a ponte tinha sido levada pelas águas.
E ele gritava:

“Parem, não prossigam a ponte caiu!”

E ninguém lhe dava atenção, nem diminuíam a velocidade; e com certeza, muitos ainda fazendo chacota dele, dizendo:
“O que esse bobo está fazendo aí na chuva?”


E iam todos caindo dentro do rio, sendo levados pelas águas.
E o camponês, aflito, piscava sua lanterna e acenava em desespero, tentando impedir que os carros prosseguissem, pois sabia que iriam morrer todos dentro do rio!… E ninguém lhe dava atenção!
Eu costumo dizer que o RACIONAL SUPERIOR, na CULTURA RACIONAL, está fazendo como aquele camponês, gritando para a humanidade:

“Parem com esse progresso, da cultura da civilização, da cultura artificial, que já terminou o seu tempo! Daqui pra frente não é mais progresso, é regresso, é só destruição!
Parem, para não destruir toda camada de ozônio!
Parem, para não terminar de poluir os rios!
Parem, para que os petroleiros não poluam todos os mares, matando a fauna marinha!
Parem, para que o desmatamento não venha inibir a produção do nosso oxigênio e coibir o equilíbrio ecológico do planeta! Parem, para que a AIDS, não contamine toda a humanidade!
Parem, para que a seca não provoque incêndios incontroláveis e o aquecimento global não derreta as geleiras dos pólos e não aconteça outro dilúvio na terra!”


E ninguém está lhe dando a atenção! Estão fazendo com o RACIONAL SUPERIOR, como os motoristas fizeram com aquele camponês: chacota!
Estão desprezando o aviso: a solução para os problemas do mundo trazido à Terra por Deus, rejeitando sem analisar!
E as conseqüências serão graves!
Vejam o caos no Brasil e no mundo decorrentes das enchentes, dos tsunamis, das secas, das drogas, da violência, da corrupção e outros eventos mais como as doenças incuráveis e as epidemias e os desastres de toda sorte!
Quantos desabrigados, quanto mortos, quanto desespero de quem perde, nas tragédias naturais e artificiais, tudo que tem, conseguido com tanta luta e sacrifício!

“Então, parem para que as enchentes não continuem aumentando a cada ano e chegue ao insuportável!
Parem enquanto é tempo, para que não aja a terceira guerra mundial e destrua tudo, passando todos para a vigésima segunda eternidade, em classes inferiores!”


Comparamos aqui CULTURA RACIONAL, como a lanterna do RACIONAL SUPERIOR alertando toda a humanidade, que a natureza mudou de fase e só vai alimentar o progresso Racional, com a energia Racional, que só existe na leitura do livro UNIVERSO EM DESENCANTO.
A natureza não orienta e nem equilibra mais ninguém na cultura do pensamento. Dizendo que, agora, todas as orientações e proteções, só através do Raciocínio, de quem esteja pelo menos começando a leitura, dos livros UNIVERSO EM DESENCANTO.
Então, estudem a CULTURA RACIONAL!
Tomem conhecimento da Fase Racional, para não caírem todos, nas águas de rios de outras classes. O livro UNIVERSO EM DESENCANTO é encontrado no site oficial da Cultura Racional e nas Livrarias Racionais, cujos endereços se encontram também no site oficial da Cultura Racional: www.culturaracional.com.br

Nenhum comentário: