Follow by Email

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

O FIM DO MUNDO - 5ª PARTE

(Valdir Santos Alexandrino – www.rccvsarcn.wordpress.com)
“Ediogroma”, este é o nome, Racionalmente dado, àquela mais primitiva fôrma da qual fomos formados. “Ediogroma” a fôrma de que foram feitos todos aqueles primeiros exemplares da espécie humana; naqueles períodos que, todos nasciam do chão mediante uma muitíssimo forte interação de três dos sete reinos que formam esta Natureza.
O chão monopolizava a produção dos Racionais; a partir de então, todos bichados; transformados de Racional para animal da Raça de Racional. Dali foi que adveio a nossa hereditariedade de monstróides e de primitivos selvagens. Que, com as transformações e já como Aparelhos de Reprodução de filhos – irmãos de mesma origem, classe, categoria e espécie, foi que ficamos civilizados. Primeiramente a civilização do alfabeto de astrologia redigido nas palmas das mãos e, mais tarde, após o abandono da Escrita Astrológica veio esta civilização do alfabeto artificial. Dali a vida foi vivida fora da realidade da vida.
Pois, é imprescindível que se observe que, a despeito de ter havido neste Segundo Mundo uma muito grande evolução cultural daqui, das mentes de matéria; ainda assim, nunca pudemos encontrar o desconhecido Ser Racional que deu origem ao animal Racional. Culturalmente, analfabetos funcionais.
E foi por isto que, nem com a ajuda da Ciência coadjuvada pelo Conhecimento científico e filosófico; nem assim, a espécie humana animal Racional, jamais encontrou a razão de sermos animais Racionais. Ninguém nunca se encontrou consigo mesmo; pois, todos ficaram mentalmente incapazes de definir o seu próprio “Eu”.
(Continua na próxima postagem)

Nenhum comentário: