Follow by Email

sábado, 11 de fevereiro de 2012

SEJAMOS REALMENTE LIVRES



A união de toda a humanidade só poderá ser feita através do desenvolvimento do raciocínio, porque o raciocínio une a humanidade, por ser um só em todas as cabeças. E o pensamento divide, porque todos pensam diferente uns dos outros. E onde todos pensam diferente, não há possibilidade de união.

E para que o raciocínio seja desenvolvido é necessário conhecer a cultura dele, a CULTURA RACIONAL.

Mas, desenvolver o raciocínio é uma opção de cada um, porque ninguém pode desenvolver o raciocínio de ninguém, a não ser o próprio.

Então, desenvolver o raciocínio está na vontade de cada um.

E como a união de toda a humanidade só poderá ser feita através do desenvolvimento do raciocínio, a união de toda a humanidade fica na dependência de cada um.

Mas, como nem todos acordarão em tempo para enxergar tudo isso, a Natureza está tratando de liquidar quem não quer desenvolver o raciocínio, porque a Natureza é quem manda e ela quer todos desenvolvendo o raciocínio. A Natureza é quem manda, pois é ela quem gera, cria, mantém e governa tudo e todos e, por isso, ninguém pode com a Natureza.

É preciso que todos se conscientizem disso, para que possam entender e compreender a causa de tanto sofrimento pelo mundo inteiro, que se trata de uma mudança de fase da Natureza, onde ela é que determina os entendimentos e procedimentos de cada fase, porque já passamos por muitas fases até chegarmos aos dias de hoje. E todas as fases que passamos foram impostas pela Natureza. E a fase em vigor é a última fase da vida da matéria, a FASE RACIONAL, a Fase da Racionalização dos Povos, onde todos vamos conhecer o verdadeiro mundo de nossa raça, o MUNDO RACIONAL, e saber como voltar para ele, pelo desenvolvimento do raciocínio.

E por sermos animais Racionais, nosso mundo de origem é Racional, sendo todos da mesma raça, a raça Racional. Essa é a razão e o porquê todos precisam e necessitam urgentemente desenvolver o raciocínio, por sermos de raça Racional e estarmos vivendo agora a fase que favorece a nossa raça, a Fase Racional.

E por a fase em vigor na Natureza ser Racional, essa é a razão da fase do pensamento ter terminado, desde 1935, tornando enfraquecido todo pensador.

O raciocínio é, pois, o SER da nossa verdadeira raça, da nossa verdadeira origem, o mundo dos eternos, razão porque o raciocínio é o ponto fundamental e o passaporte para a vida eterna e, por isso, precisa ser desenvolvido e evoluído.

Já o pensamento e a imaginação, essências da matéria, são seres da parte que não nos pertence, a parte animal, cuja função é a lapidação do pensador e sua preparação para ter condições de passar para o curso superior da vida, do desenvolvimento do raciocínio, que nos conduzirá, em vida, ao nosso verdadeiro estado natural de RACIONAL puro, limpo e perfeito, no mundo dos eternos, o MUNDO RACIONAL, de onde saímos um dia, por livre e espontânea vontade, dando causa a este segundo mundo imperfeito e transitório em que vivemos, o mundo das transformações, degenerações, deformações e poluições, o mundo dos mortais.

No mundo dos mortais é que há senhores e escravos. Onde uns tantos são os cabeças e o restante, a grande massa, apenas pernas e braços. Esta é a característica fundamental do pensamento, que engambela e embriaga o pensador com ilusões, fantasias e similares, enquanto o torna um mero escravo. No pensamento não há liberdade e, sim, uma falsa liberdade. O pensamento dá ao pensador a realização dos seus desejos e vontades, que o próprio pensamento cria no pensador, mas, não lhe dá o discernimento verdadeiro, o bom senso e muito menos a verdadeira liberdade, razão porque todos se sentem agoniados e sem paz. O pensamento cria necessidades aparentes, felicidades aparentes, prazeres aparentes, sabedorias aparentes, mas, não lhe dá sossego nem paz, porque o pensamento não foi feito para acertar e, sim, para lapidar o pensador. E sem acertar na vida, ninguém tem paz nem sossego. É sofrimento, dia e noite, noite e dia.

Chega de sofrimento! Chega de desunião! Chega da escravidão do pensamento! Libertemo-nos, já, pelo desenvolvimento do raciocínio, para acertarmos em tudo, concretizando a união verdadeira, a paz verdadeira, o amor verdadeiro, a fraternidade verdadeira e a concórdia universal de UM por todos e todos por Um.

E quem é esse UM? O nosso verdadeiro Mundo de Origem, o MUNDO RACIONAL, o mundo da FORÇA SUPREMA A TUDO E A TODOS: DEUS!

Estudemos os Livros do MUNDO RACIONAL, Universo em Desencanto! SEJAMOS REALMENTE LIVRES!

Nenhum comentário: